Elas não são todas iguais: 9 tipos comuns de vulva

Para muitas mulheres, sua própria vagina já em um assunto tabu.  A mídia frequentemente traz uma certa imagem ideal de vulva, que pode se tornar fixa na cabeça de muitas mulheres, e também na dos homens. 

Quando a vagina da própria mulher não segue esse padrão, muitas vezes isso pode deixá-la se sentindo profundamente envergonhada. Como resultado, várias mulheres optam por uma cirurgia estética para reduzir o tamanho dos lábios vaginais (ou lábia) em uma tentativa de deixá-la mais bonita. Mas a verdade é que não há a menor necessidade disso.

Você sabia que existem nove tipos diferentes de vulva e que cada um deles tem suas vantagens?

1. A fechada

Esse tipo de vulva é caracterizado pela encapsulação completa dos lábios menores pelos maiores. Na cabeça de muitas pessoas, assim como na mídia, a vagina fechada é considerada o ideal de beleza. No entanto, isso desmerece o fato de que apenas algumas mulheres têm esse tipo de vagina.

2. O botão

Semelhantes à vagina fechada, os lábios menores dessa vagina não são visíveis. Os lábios maiores, no entanto, estão mais afastados do osso púbico e parecem maiores ainda como resultado.

3. A tulipa

Como uma flor desabrochando, os lábios menores passam um pouco dos lábios maiores, mas não ficam completamente visíveis.

4. O botão aberto

Esse tipo de vagina é muito mais comum. Os lábios menores estão totalmente visíveis entre os lábios maiores. Em países africanos, esse tipo de vagina é considerado o ideal.

5. Ferradura

Com essa vulva, os lábios menores são encapsulados pelos maiores no formato de uma ferradura. No entanto, os lábios menores ficam visíveis por uma pequena abertura na parte superior.

6. Vulva depilada

Pelo na sua zona íntima? De jeito nenhum! Mulheres com vagina sem pelo dão muita importância a manterem suas partes privadas perfeitamente depiladas. Mas o crescimento do pelo logo pode se tornar irritante para o seu parceiro. Uma aparada cuidadosa nessa área já é suficiente.

7. Vulva selvagem

“Tudo natural!” é o lema para toda mulher com uma vulva selvagem. Enquanto muitos homens amam essa área depilada, outros preferem natural. Eles associam o crescimento natural do pelo púbico com algo primitivo, ou animalesco, que atrai seus instintos carnais mais básicos.

8. A larga

Quando a entrada vaginal é larga, muitos homens creem que isso significa que a mulher já teve muitas experiências sexuais, mas não é nada disso. Na verdade, a vulva se alarga apenas como resultado da excitação e se contrai novamente depois.

9. A estreita

Mulheres mais magras comumente têm vaginas estreitas. Isso pode ser uma vantagem na hora do sexo, já que torna mais fácil a estimulação, levando ao orgasmo. Se o homem não for muito sensível (não ejacular com rapidez), ele também irá se beneficiar muito com isso durante o sexo. Como você pode ver, não existe algo como a vulva “perfeita”. Além disso, há uma enorme variedade de gostos e preferências quando se trata de visual ideal de uma vulva. O importante é que você se sinta confortável com o seu corpo e aceite sua vulva: ela é única e pertence a você!

Fonte: cuide-se

 

Deixe um comentário

CURTA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK